Atualização Esri


Gestão da Geoinformação para o Governo Federal:
Pilar essencial da Gestão Pública

Atualmente os órgãos públicos que trabalham com geoinformação (mapas temáticos, plantas e cartas, redes de transporte público, análise ambiental, fiscalização de obras e etc.) apresentam uma série de dificuldades que se relacionam diretamente com os princípios da publicidade e da eficiência da gestão pública. 

Uma Gestão da Geoinformação eficaz traz um diferencial significativo para a gestão do órgão como um todo, principalmente no que se refere à economia durante os processos de compra e na melhoria dos procedimentos de trabalho dessas instituições.

Ter um processo formal de gestão dos ativos geoespaciais permite à Administração Pública recuperar e compartilhar informações, mapas e indicadores de forma estruturada e rápida diante de situações emergenciais ou no próprio dia-a-dia da instituição.

A plataforma ArcGIS e serviços especializados em gestão de dados são capazes de suportar a Infraestrutura de Dados Espaciais (IDE) de sua instituição, ampliando a capacidade gerencial e consequentemente, favorecendo com que órgão cumpra sua missão de forma mais eficiente.





Benefícios

Governo Federal

O fortalecimento da Gestão da Geoinformação permite aos órgãos públicos:

- Integrar iniciativas e compartilhar dados entre órgãos da área de Transportes, Meio Ambiente, Planejamento e Gestão, Minas e Energia, Agricultura e etc de forma padronizada.

- Desenvolver estratégias e padrões no gerenciamento da informação geográfica de qualidade de forma coordenada, ágil e transparente;

- Fortalecer o Governo eletrônico, reduzir os gastos e atender melhor às demandas da sociedade brasileira;

- Garantir aos cidadãos o direito de acesso à Informação Geográfica pública para tomada de decisões e avaliação da gestão governamental.




Construção da Solução

Governo Federal