CONSTRUÇÃO DE SCRIPTS E DESENVOLVIMENTO DE APLICAÇÕES

Introdução aos scripts de geoprocessamento utilizando Python

Aprenda os conceitos essenciais e habilidades necessárias para criar um geodatabase de forma eficiente, adicionar dados à este geodatabase, e modelar realisticamente as relações espaciais reais inerentes aos seus dados.

  • Duração: 03 dias (24 horas)
  • Versão do ArcGIS: 10.2 e 10.3
  • Material didático: Inglês
  • 06.04.2016
    Introdução aos Scripts de Geoprocessamento utilizando Pyhton - São Paulo/SP -IMPACTA

    Pré Inscrição »

 

Descrição
Os scripts em Python podem reduzir o tempo gasto em tarefas complexas ou repetitivas, permitindo que seus colaboradores sejam mais produtivos. Este curso ensina como criar scripts em Python para automatizar tarefas relacionadas com gerenciamento de dados, edição de feições, geoprocessamento e análise, e produção de mapas no ArcGIS. Você irá também aprender como compartilhar seu script em Python para que seus principais fluxos de trabalho GIS sejam acessíveis a outras pessoas.
Nota: Os conceitos do curso são aplicados tanto para o ArcGIS 10.3 como para o 10.2. É fornecido o software ArcGIS 10.3 para ser utilizado durante o treinamento. O DVD dos dados do treinamento inclui os arquivos para os usuários da versão ArcGIS 10.2.

Quem deve participar
Analistas GIS, especialistas, pessoas responsáveis pelo processamento de dados e qualquer outra pessoa que deseje automatizar fluxos de trabalho e tarefas no ArcGIS.
Objetivos
Após completar este curso, você será capaz de:

  • Escolher um ambiente de desenvolvimento de scripts em Python que melhor atende às suas necessidades.
  • Incorporar cursores, descrição dos objetos, e lista de objetos em seu script para gerenciar e atualizar dados.
  • Utilizar as classes ArcPy e a geometria dos objetos para criar e atualizar feições e realizar operações de geoprocessamento.
  • Utilizar o módulo de mapeamento do ArcPy para automatizar documentos de mapas e o gerenciamento das camadas.
  • Aplicar técnicas para se certificar da validação da sintaxe de um script e tratamento de erros.
  • Criar ferramentas de scripts customizados e pacotes de geoprocessamento para compartilhar seus scripts.

Pré-requisitos
Ter completado o treinamento “ArcGIS II: Fluxos de trabalhos essenciais” e “Configurando e Gerenciando o Geodatabase Multiusuário” ou possuir conhecimento equivalente.

 

 

Requisitos de Software
A Esri fornecerá o software a seguir para uso durante as aulas:

  • Ter completado os cursos “ArcGIS 2: Fluxos de trabalhos Essenciais” e “ArcGIS 3: Realizando Análises” ou possuir conhecimento equivalente.
  • Conhecimento das sintaxes da linguagem Python e experiência na criação de scripts em Python são necessários.
  • Para quem ainda não possui experiência em Python, é extremamente recomendado adquirir conhecimento em Python através do “Python for Everyone” (treinamento gratuito online da Esri).
  • Conhecimentos básicos de programação, incluindo o uso de loopings e operadores condicionais, são requeridos.

Conteúdo do Curso

1. Executando Scripts em Python.

  • Entendendo os fundamentos do Python.
  • Ambiente de Desenvolvimento Integrado (IDE).
  • Executando scripts na janela Python.
  • O pacote ArcPy.
  • Funções e classes do ArcPy.
  • O módulo ArcPy.
  • Escolhendo um ambiente para o desenvolvimento de scripts.
  • Dicas e melhores práticas.

2. Descrevendo dados.

  • A função Describe.
  • Propriedades genéricas do objeto Describe.
  • Propriedades Describe da classe de feição.
  • Propriedades Describe de dados raster.
  • Descrevendo uma classe de feição e um dado raster.
  • Trabalhando com o objeto Describe.

3. Automatizando scripts com listas.

  • As funções ArcPy List.
  • Explorar as funções ArcPy List.
  • Trabalhando com as funções List.
  • Trabalhando com da.Walk.
  • Listando dados.

Examinando as tabelas delta em um ambiente versionado.

  • Isolamento da edição.
  • Registrando dados simples.
  • Registrando dados relacionados.
  • Registrando conjunto de dados de feições.
  • Rastreando edições.

4. Trabalhando com seleções.

  • Ferramentas de seleção no ArcMap.
  • Termos comumente utilizados quando se trabalha com seleções.
  • Ferramentas que aceitam camadas de feições.
  • Trabalhando com a seleção.
  • A ferramenta MakeFeatureLayer.
  • O objeto FieldInfo.
  • A função AddFieldDelimiters.
  • Determinando o fluxo de trabalho.
  • •Criando uma camada de feições e obtendo a contagem das feições.

Juntando linhagens através de reconciliar e postar.

  • Reconciliar e postar explícito.
  • Realizando reconciliar e postar explícito.
  • Juntando linhagens protegidas.
  • Reconciliar e postar implícito (auto).

5. Trabalhando com cursores.

  • Os cursores ArcPy.da.
  • Utilizando o SearchCursor.
  • Utilizando o UpdateCursor.
  • Utilizando o InsertCursor.
  • Utilizando o arcpy.da.Editor
  • Dicas e melhores práticas para os cursores arcpy.da .

6. Trabalhando com os objetos Geometry.

  • Criando geometria dos objetos.
  • Criando objetos do tipo Point.
  • Criando objetos de geometria do tipo Polyline.
  • Criando objetos de geometria do tipo Polygon.
  • A geometria dos objetos.
  • Construindo geometria multipart.
  • Construindo polígonos multipart.
  • Criando e atualizando a geometria das feições.
  • Utilizando a geometria dos objetos com ferramentas de geoprocessamento.
  • Acessando a geometria dos objetos.

7. Compartilhando scripts.

  • Termos comumente utilizados quando compartilhamos scripts.
  • Vantagens de se criar scripts no ArcMap.
  • Criando scripts dinâmicos.
  • Depurando scripts no PyScripter.
  • Criando e compartilhando uma ferramenta de script.
  • Vantagens de anexar um script em uma ferramenta customizada.
  • Utilizando o assistente Add Script.
  • Executando um script.
  • Compartilhando um script.
  • Planejar um projeto.

8. Automatizando a produção de mapas.

  • O módulo arcpy.mapping.
  • Termos comumente utilizados quando trabalhamos com o módulo arcpy.mapping.
  • Utilizando o módulo arcpy.mapping para modificar o conteúdo de um documento de mapa.
  • Referenciando o documento de mapa.
  • Listando o conteúdo de um documento de mapa.
  • Gerenciando camadas.
  • Gerenciando elementos de layout.
  • Publicando mapas.
  • Exportando mapas e relatórios.
  • Customizando simbologia para as camadas do mapa.